BB MAPFRE recebe, em São Paulo, primeira Jornada Internacional Global Risks
5 ( 3 votos )

Evento reuniu profissionais de seguros e gerenciamento de riscos de grandes empresas internacionais

Pela primeira vez no Brasil, a Jornada Internacional Global Risks, evento bienal promovido pela MAPFRE Global Risks, reuniu profissionais de seguros e gerenciamento de riscos de grandes empresas brasileiras para debater os desafios e as oportunidades que se abrem para o setor de Grandes Riscos no mercado brasileiro.

Trata-se de um fórum de alto nível para discussões técnicas, políticas, meio ambientais e econômicas, colocando em destaque esse importante segmento que vem crescendo expressivamente no Brasil.

“Em um país com as dimensões territoriais como o nosso, com grandes diferenças climáticas, geográficas e visibilidade internacional, às vésperas de sediar o maior evento esportivo do mundo, os ‘Grandes Riscos’ formam um amplo nicho que seguradoras e resseguradoras podem explorar nos próximos anos”, afirmou Marcos Eduardo Ferreira, presidente do GRUPO BB MAPFRE para as áreas de Auto, Seguros Gerais e Affinities e um dos participantes do fórum.

A programação dedicou-se ao debate de questões estratégicas, com a apresentação de cases internacionais e temas correntes que estão em evidência no país e nos diversos mercados ao redor do mundo. Os riscos e desafios que se apresentam diante do atual contexto econômico para os setores de Óleo e Gás, Aviação, Indústria e para o setor elétrico são alguns dos temas que eram abordados durante o evento.

“A indústria de energia mundial vem passando por profundas transformações. A expansão das fontes de energia renováveis, o aumento das pressões ambientais, o cenário atual de instabilidade na indústria de petróleo e gás natural, assim como a grande incerteza e a volatilidade de preços, vêm suscitando importantes mudanças estruturais nos setores energéticos”, destacou André Fortino, diretor geral de Grandes Riscos do GRUPO SEGURADOR BANCO DO BRASIL E MAPFRE.

Bosco Francoy, COO da Mapfre Global Risks, ressaltou a importância de se discutir o tema no Brasil. “Este país representa um dos mercados mais promissores para o desenvolvimento do seguro. Além disso, a troca de experiência entre os profissionais brasileiros ajudará no fomento e disseminação de políticas para gestão de grandes riscos”, sinaliza Bosco.

A Jornada Global Risks também fomentou a troca de experiências entre executivos responsáveis pelas áreas de negócio, técnica e de gestão de empresas de seguros, principais corretores de seguro e resseguro, e demais players do segmento.

Participaram dos painéis Marcelo Gusmão Arnosti, economista chefe da BB DTVM, Juan Jose de la Colina, diretor de energia da MAPFRE global Risks, e representantes de empresas como Eletropaulo, Neoenergia, Eletrosul, Petrogral, IRB RE, Avianca Linhas Aéreas, Companhia Siderúrgica Nacional, Brasil Foods, entre outras.