O Mercado Segurador Latino-Americano mantém a sua expasão e cresce 18,3% em 2014
5 ( 1 voto )

  • Costa Rica, Uruguai, Nicarágua ou Argentina lideraram o crescimento interanual.
  • O Brasil representa 55% das receitas totais do setor na região.

Em 2014, o mercado segurador latino-americano manteve a sua expansão, com um crescimento médio nominal de dois dígitos que se situou em 18,3%, comparado a 16% do ano anterior. Descontando o efeito da inflação, o crescimento médio real do setor foi de 5,2% e os maiores crescimentos, acima de dois dígitos, ocorreram na Costa Rica, Uruguai, Nicarágua e Argentina.

O estudo O Mercado Segurador Latino-americano 2014, elaborado pelo Centro de Estudos da Fundación MAPFRE, exibe um crescimento dos setores Não Vida próximo a 4%, comparado a uma subida de 1% do de Vida, graças ao bom desempenho do Brasil, México e Argentina.

O Brasil permanece líder indiscutível da região, com um volume de prêmios superior a 70 bilhões de dólares. O mercado brasileiro obteve uma subida real de 7%, com aumentos significativos nos segmentos de Vida e Não Vida, e seu resultado líquido -7,48 bilhões de dólares- representou 55% dos lucros totais do setor na América Latina.

Todos os países registraram crescimentos nominais em moeda local (com exceção do Equador, que diminuiu 1%). Expressado em dólares estadunidenses, o crescimento do volume de prêmios da região foi de 2,7% (devido à valorização de tal moeda comparando com as moedas locais) e atingiu 162 bilhões de dólares.

Tabela 1. Variação do volume de prêmios 2014 na América Latina (em moeda local)

Crescimentos nominais e reais em moeda local
América Latina. % Variação do volume  de prêmios 2014/2013
PAÍS Var. Nominal Var. Real
Argentina 35,1 11,6
Bolívia 7,0 1,7
Brasil 13,8 7,0
Chile 1,6 1,6
Colômbia 5,0 1,3
Costa Rica 20,2 14,3
Ecuador 2,6 -1,0
El Salvador 4,7 4,2
Guatemala 8,1 5,0
Honduras 6,2 0,3
México 4,6 0,5
Nicarágua 19,0 12,3
Panamá 7,9 5,2
Paraguay 14,4 7,5
Peru 12,0 8,5
República Dominicana 7,5 5,8
Uruguai 22,4 13,0
Venezuela 66,8 1,9
Total geral 18,3 5,2

O resultado líquido agregado do setor segurador de 2014, por sua vez, foi de 13,5 bilhões de dólares*, o que representa um crescimento de 9,3% com relação ao do ano anterior. Como no caso dos prêmios, a valorização do dólar frente à maioria das moedas locais influiu neste resultado.

*Este valor não inclui os resultados da Bolívia, do Panamá e da República Dominicana, que em 2013 representavam 1,1% dos lucros da região, e que ainda não foram publicados.

Para mais informação, acesse o relatório completo (PDF, 408 KB)