S.M. a Rainha Sofía, a organização Ação Contra a Fome e outras três instituições que trabalham por um mundo melhor e mais justo, entre os premiados desta edição

A Fundación MAPFRE entregou hoje, segunda-feira, 6 de junho, em Madri, seus PRÊMIOS 2015, condecorações de caráter internacional, cuja provisão global é de 150.000 euros.

Na entrega de prêmios, que contou com a presença de Susana Camarero, Secretária de Estado de Serviços Sociais e Igualdade, participou Antonio Huertas, presidente da Fundación MAPFRE, que ressaltou que esses prêmios “reconhecem publicamente o esforço, o compromisso e a dedicação que empresas ou instituições realizam, muitas vezes de forma silenciosa, em benefício da comunidade”.

O presidente da Fundación MAPFRE entregou o “Prêmio a Toda uma Vida Profissional (José Manuel Martínez)” à Sua Majestade a Rainha Sofía, como reconhecimento de seus “méritos pessoais relevantes e sua atuação exemplar a serviço do povo espanhol”. Na cerimônia, salientou que “a lista de méritos da Rainha Sofía é praticamente interminável” e que “o conjunto da sociedade é quem lhe agradece pelo trabalho realizado durante mais de 50 anos em defesa dos menos favorecidos e, especialmente, da infância”.

A Fundação MAPFRE reconheceu também neste concurso, ao qual foram apresentadas mais de 500 candidaturas de todo o mundo, os méritos da instituição Ação Contra a Fome, criada há 20 anos, que recebeu o “Prêmio à Melhor Iniciativa em Promoção da Saúde” pelo Projeto “Anemia NÃO. Combater a anemia na Serra Central do Peru”, que permitiu combater esta doença em 8.000 crianças peruanas.

Em seu discurso de agradecimento, José Luis Leal, Presidente desta instituição, que recebeu o prêmio das mãos da Rainha Sofía, destacou que, graças a este trabalho, “agora, a prevenção da anemia faz parte da agenda de saúde nacional e provincial. Os materiais elaborados para treinamento estão sendo úteis a mais de 4.800 profissionais de saúde, e o lema “Anemia NÃO” é uma referência para outras ações implementadas pelo Estado peruano”.

O “Prêmio à Melhor Iniciativa em Ação Social”, que avalia principalmente o trabalho com os grupos menos favorecidos, que são os que mais necessitam que pessoas ou instituições realizem este trabalho, ficou, nesta ocasião, para a Fundação Promoção Social da Cultura. Essa instituição, que atualmente é a única ONG espanhola no campo de refugiados de Zaatari na Jordânia, acolhe cerca de 80.000 pessoas, das quais 15% sofrem algum tipo de deficiência.

Graças ao “Programa de proteção e assistência humanitária para os refugiados sírios”, esta organização reabilitou mais de 2.000 pessoas com deficiência, principalmente crianças com paralisia cerebral.

Nas suas palavras de agradecimento, Jumana Trad, Presidente dessa fundação, dedicou sua intervenção a Marwan, “um menino de 8 anos com paralisia cerebral bilateral e uma das várias crianças que recebem reabilitação, fisioterapia, muletas oucadeiras de rodas na nossa clínica” e ressaltou que “ainda é possível interferir para ajudar esta geração potencialmente perdida a enfrentar os grandes desafios para reconstruir seu futuro”.

As vítimas de tráfico também foram os protagonistas destes prêmios, em que também se reconheceu o trabalho importante da Federação Europeia de Vítimas da Estrada (FEVR), com sede em Luxemburgo, que recebeu o “Prêmio à Melhor Iniciativa em Prevenção e Segurança Viária”, por um projeto que pretende incluir no foco da prevenção não apenas os falecidos, cerca de 1,24 milhões de pessoas por ano, mas também as pessoas que sofrem lesões graves após um acidente, e que, em muitos casos, têm de aprender a conviver com alguma deficiência.

Jeannot Mersch, Presidente dessa instituição, agradeceu pelo prêmio à Fundación MAPFRE, que comunicou o prêmio em “um dia muito especial para mim e para minha família”, pois era o aniversário de sua filha Sandy, que faleceu há 23 anos atropelada por um furgão ao cruzar uma faixa de pedestres para pegar o ônibus escolar. Tinha apenas 13 anos.

O “Prêmio Internacional de Seguros (Julio Castelo Matrán)”, que reconhece a inovação no âmbito de seguros e a difusão de uma indústria que tanto contribui para o desenvolvimento da sociedade, foi entregue ao Ohio Insurance Institute (EUA).

É uma associação patronal que agrupa mais de 40 empresas de seguros e resseguros internacionais, e que foi premiada pelo lançamento do site www.insurancecareers.org, que, desde 2012, divulga todas as vagas profissionais oferecidas pelo setor de seguros e promove o emprego no campo dos seguros, principalmente entre estudantes, veteranos militares e profissionais que queiram dar uma nova orientação à sua carreira profissional.

Para mais informações: www.salaprensa.fundacionmapfre.org