MAPFRE vende seu edifício da calle Manuel Cortina em Madri para a Gmp
5 ( 1 voto )

A MAPFRE e a Gmp chegaram a um acordo no qual a seguradora vende, por 71 milhões de euros, seu edifício no bairro de Chamberí, em Madri, para a imobiliária. O imóvel possui uma superfície adequada para locação superior a 14.400 m2.

A MAPFRE tem instalada neste edifício a sede da Diretoria Geral Territorial de Madri e da VERTI. No dia 31 de dezembro de 2017, a companhia de seguros desocupará os andares de escritórios e continuará ocupando, durante um tempo indeterminado, a maior parte da superfície do andar térreo comercial do edifício.

Conta com 14.424 metros quadrados de SBA (superfície bruta alugável), distribuídos em um total de 11 andares sendo, 10 andares de escritórios e um andar térreo de uso comercial. Destacando seu amplo estacionamento com 368 lugares, distribuídos em três andares.

“Para a MAPFRE, esta operação enquadra-se na política de rotação de ativos imobiliários e diversificação da carteira da MAPFRE”, explicou Melchor García García, Diretor Geral da MAPFRE Inmuebles. Os funcionários da Diretoria Geral Territorial da MAPFRE em Madri serão enviados para outro edifício da companhia na calle Sor Angela de la Cruz, também em Madri, e os da VERTI para um edifício – também de propriedade da MAPFRE – na calle Doctor Esquerdo, na capital espanhola.