Salamanca, ponto de encontro de mais de 400 gestores de risco de todo o mundo
Classifique este artigo

Blockchain, o uso de drones e o gerenciamento de grandes infraestruturas, um debate nas XXVI conferências da MAPFRE GLOBAL RISKS

Salamanca sediará a vigésima sexta edição da Conferência Internacional da MAPFRE GLOBAL RISKS, evento que transformará a capital charra de 5 a 7 de junho no centro internacional do setor de seguros, e onde se encontrarão mais de 400 gerentes de risco e especialistas do setor de mais de 20 países.

Temas atuais, como as tendências de seguros em diferentes mercados, blockchain ou como gerenciar riscos na construção de grandes infraestruturas como, por exemplo, uma linha de metrô, são alguns dos assuntos que serão abordadas durante a reunião. Além disso, especialistas da Espanha, Brasil, México, Chile ou Colômbia, por exemplo, analisarão o gerenciamento de riscos globais em diferentes mercados.

Este fórum é uma reunião que é organizada a cada dois anos em uma cidade diferente na Espanha, sendo um ponto de encontro para o setor de seguros para discutir as tendências e desafios enfrentados pelos gerentes de alto risco. Em paralelo, são realizadas mesas redondas nos quais são abordados diferentes temas atuais relacionados com a segurança.

Durante a conferência, será entregue o Prêmio Internacional de Excelência no Gerenciamento de Riscos, um prêmio criado este ano que reconhece a empresa que desenvolveu o melhor trabalho nos últimos dois anos, em termos de gestão de risco, destacando as melhores políticas e cultura para o gerenciamento, prevenção e proteção de riscos.

Esses dias serão fechados pelo presidente da MAPFRE, Antonio Huertas, junto com o prefeito de Salamanca, Carlos García Carbayo, na próxima sexta-feira, 7 de junho.

A MAPFRE GLOBAL RISKS é a unidade da MAPFRE especializada no fornecimento de soluções de seguros completas e inovadoras a grandes empresas, multinacionais e empresas de setores globais de atividade.

  • O programa realizado nesses dias aqui